Menu principal

Atividades

Cadastre-se e receba newsletter

Como você encontrou nosso site?

Ver resultado
 

Adaptação escolar

O início do período escolar é normalmente muito agitado, devido ao fato de muitas crianças estarem entrando na escola pela primeira vez. Tudo é novo, diferente, atrativo. É o momento de transição entre o lugar onde a criança sabe se relacionar com todos e um lugar diferente, onde terá que construir novas relações afetivas. É nesse primeiro aprendizado que poderá ser determinado a facilidade ou a dificuldade com que as crianças vão se adaptar às novas situações ao longo de toda a vida.

Daí a necessidade de se preparar um período de adaptação para essa criança que chega à escola pela primeira vez. O período de adaptação consiste em dar a criança oportunidades diversas de explorar o meio, conhecendo e adaptando-se a ele, conseqüentemente, sentindo-se segura.

Esse processo possibilita a criança fazer sua opção de ficar na escola, mesmo que isso represente o afastamento da mãe. Esta fase de adaptação é muito cansativa para a criança e o vínculo escola/familia passa a ser fundamental para se estabelecer um relacionamento saudável e uma adaptação tranquila. É de vital importância que os pais aprovem a escola com toda sua filosofia (proposta pedagógica) para que esta adaptação ocorra de forma mais tranquila.

Sem esse período de adaptação, este momento tão delicado e importante na vida da criança está sendo negligenciado, podendo assim tirar o prazer das crianças em estar ali junto com outros coleguinhas.
O período de adaptação é bastante variável e cabe à escola respeitar o processo de adaptação de cada criança.
Conhecer o plano de adaptação que a escola oferece é a melhor maneira de garantir uma educação de qualidade as crianças.

  • É importante observar alguns pontos:
  • Os planos mais eficientes são aqueles em que os horários de permanência da criança na escola durante os primeiros dias de aula são menores;
  • A escola deverá estar aberta nesta semana apenas para as crianças em adaptação, onde o professor poderá estar mais atento as necessidades de cada criança;
  • Abertura para que os pais possam permanecer na escola neste período;
  • A vinda da criança para a escola deve ser preparada pelos pais;
  • O choro na hora da separação é frequente e nem sempre significa que a criança não queira ficar na escola;
  • Evite comentários sobre a adaptação da criança em sua presença;
  • Cabe à mãe entregar a criança ao educador, colocando-a no chão e incentivando-a a ficar na escola. Não é recomendável deixar o educador com o encargo de retirar a criança do colo da mãe;
  • Nunca saia escondido de seu filho. Despeça-se naturalmente.
     

Os pais devem respeitar o período de adaptação estabelecido pela escola para que a criança não tenha uma adaptação aparente (a criança fica bem no início mas posteriormente apresenta resistência em ficar na escola).
Estando atento a estas sugestões, a criança terá maior possibilidade de adaptar-se à escola, criando vínculos afetivos, contribuindo para que possa desenvolver todas as suas potencialidades.

Luciana Tardio (Diretora Pedagogica – Centro de Educação Infantil Pimpão)

 

R. Eng. Rebouças, 1867 - Rebouças - Curitiba - PR
Cep: 80230-040 - contato@escolapimpao.com.br
41 9869 6576 / 41 3332 2016